Desvio de 20 milhões no SEST SENAT não vai mais acontecer

Nenhuma instituição está segura de erros ou de crimes cometidos por seus funcionários. O que não se pode fazer é, detectado o erro, não fazer nada para prevenir que o mal feito volte a acontecer. Em 2014 foi descoberto pela Procuradoria Geral de Justiça do Brasil que, em conluio, quatro funcionárias do SEST SENAT foram responsáveis pelo desvio de 20 milhões de reais do dinheiro da instituição. O roubo teria ocorrido entre 2011 e 2012, período no qual as quatro mulheres compraram mansões, carros importados e obras de arte.

Tão logo o crime foi descoberto, Clésio Andrade, presidente da Confederação Nacional do Transporte, voltou de uma licença de saúde e prestou depoimento à justiça para auxiliar na investigação.

Desvio de 20 milhões: investigado com rigor

 

Clésio Andrade

Em setembro de 2014, quando foi descoberto o desvio de 20 milhões, o ex-senador Clésio Andrade confirmou a imprensa que o SEST SENAT faria uma investigação formal e detalhada do caso. Além de afastar e investigar as ações das quatro funcionárias, ele também determinou o afastamento e a investigação de outros vinte funcionários com acesso às suspeitas. Seriam investigados possível participação, omissão ou o mero auxílio.

Segundo Clésio Andrade, foi “determinada uma sindicância interna para apurar que se tido isso (desvio de 20 milhões) os diretores possivelmente investigados sejam afastados até a apuração final”.

Dois anos depois, essa preocupação não mudou. Clésio Andrade determinou que o SEST SENAT investisse em um moderno programa de compliance.

“O que se espera é que todos os envolvidos tomem ciência do que está sendo construído, compreendam a sua importância e apliquem diariamente em suas atividades. Agindo assim, estaremos fortalecendo os valores que direcionam nossas ações e o comportamento diante de nossos públicos de relacionamentos”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s